25 outubro 2008

Talvez

Talvez eu venha a envelhecer rápido demais.
Mas lutarei para que cada dia
tenha valido a pena.
Talvez eu sofra inúmeras desilusões no decorrer de minha vida.
Mas farei que elas percam a importância diante dos gestos de amor que encontrei.
Talvez eu não tenha forças
para realizar todos os meus ideais.
Mas jamais irei me considerar um derrotado.
Talvez em algum instante eu sofra uma terrível queda.
Mas não ficarei por muito tempo
olhando para o chão...
Talvez um dia o sol deixe de brilhar.
Mas então irei me banhar na chuva.
Talvez um dia eu sofra alguma injustiça.
Mas jamais irei assumir o papel de vítima.
Talvez eu tenha que enfrentar alguns inimigos.
Mas terei humildade para aceitar as mãos que se estenderão em minha direção.
Talvez numa dessas noites frias,
eu derrame muitas lágrimas.
Mas não terei vergonha por esse gesto.
Talvez eu seja enganada inúmeras vezes.
Mas não deixarei de acreditar
que em algum lugar alguém merece a minha confiança.
Talvez com o tempo eu perceba que cometi grandes erros.
Mas não desistirei de continuar trilhando meu caminho.
Talvez com o decorrer dos anos
eu perca grandes amizades.
Mas irei aprender que aqueles que realmente são meus verdadeiros amigos nunca estarão perdidos.
Talvez algumas pessoas queiram o meu mal.
Mas irei continuar plantando a semente da fraternidade por onde passar.
Talvez eu fique triste ao concluir que não consigo seguir o ritmo da música.
Mas então, farei que a música siga o compasso dos meus passos.
Talvez eu nunca consiga enxergar um arco-íris.
Mas aprenderei a desenhar um,
nem que seja dentro do meu coração.
Talvez hoje eu me sinta fraco.
Mas amanhã irei recomeçar, nem que seja de uma maneira diferente.
Talvez eu não aprenda todas
as lições necessárias.
Mas terei a consciência que
os verdadeiros ensinamentos
já estão gravados em minha alma.
Talvez eu me deprima por não ser capaz de saber a letra daquela música.
Mas ficarei feliz com as outras
capacidades que possuo.
Talvez eu não tenha motivos
para grandes comemorações.
Mas não deixarei de me alegrar
com as pequenas conquistas.
Talvez a vontade de abandonar tudo torne-se a minha companheira.
Mas ao invés de fugir, irei correr atrás do que almejo.
Talvez eu não seja exatamente
quem gostaria de ser.
Mas passarei a admirar quem sou.
Porque no final saberei que,
mesmo com incontáveis dúvidas,
eu sou capaz de construir uma vida melhor.
E se ainda não me convenci disso, é porque como diz aquele ditado:
ainda não chegou o fim
Porque no final não haverá
nenhum talvez e sim a certeza
de que a minha vida valeu a pena
e eu fiz o melhor que podia.

(Sônia Carvalho)

23 outubro 2008

O pesadelo acabou!!!




Como eu gostaria de voltar ao tempo e não conhecer pessoas que mudariam para sempre minha fé nos seres humanos. Mais infelizmente isso não é possível e por acreditar nas pessoas erradas eu fiz coisas que me arrependo... magoei pessoas inocentes, julguei pessoas por palavras incompreendidas jogadas na internet... eu estive momentaneamente manipulada, estive Cega!!!!!!!!!!!
Mais um dia eu acordei daquele pesadelo horrível... como um passe de mágica, um flash em minha mente e no meu coração... eu enxerguei tudo com total e absoluta clareza... nesse dia... o bem tornou-se o mal... e o mal tornou-se o bem! Eu senti um alívio enorme... eu acordei e voltei ser eu mesma... livre, de consciência leve... com minha alma limpa. Me afastei de tudo e de todos que ainda me faziam mal... me aproximei das pessoas certas, das pessoas de bom coração, encontrei a Paz interior que tanto senti falta e voltei a ser eu mesma... totalmente do BeM!!!!

Um Beijo no Coração e Tudo de Bom!!!


Quando você sentir



QUANDO VOCÊ SENTIR

Quando você sentir vontade de chorar...
Pode me chamar... que eu venho chorar com você.
Quando você sentir vontade de sorrir...
Avise-me... que eu venho para sorrirmos juntas.
Quando você sentir vontade de amar...
Chama-me que eu venho o amar.
Quando você sentir que está tudo acabado...
Comunique-me... que eu venho ajudar a reconstruir.
Quando você sentir que o mundo é pequeno demais para sua tristeza...
Não se desespere... que eu irei ajudar para que ele ainda possa lhe trazer um grande felicidade.
Quando você sentir que precisa de companhia naqueles dias nublados e tristes, ou também, nos dias ensolarados...
Chama-me... que eu venho sim.
Quando você sentir que está precisando ouvir alguém dizer: “Eu te amo”...
Comunica-me... que eu diga isto a você a qualquer hora, em qualquer lugar e com sinceridade.
Quando você sentir que não precisa mais de mim...
Diga-me... pois o meu amor por você é imenso, eterno e por mais longe que estivermos, nunca... nunca acabará.
Eu simplesmente irei embora... mais levarei você no meu pensamento e no meu coração.

"Essa poesia como outras que já postei no blog, estão sendo retiradas do meu caderno de poemas e poesias de quando eu era adolescente, a maioria de autoria desconhecida. Estou digitando cada uma aqui e compartilhando com vocês.""Essa é uma das minhas preferidas!!"

12 outubro 2008

Procura-se um amigo



Procura-se um amigo...

É preciso saber falar e calar, sobretudo saber ouvir.
Deve gostar de poesia, de pássaros do sol, da lua, do canto dos ventos e das canções da brisa.
Deve ter amor, um grande amor por alguém, ou então, sentir falta de não ter esse amor.
Deve amar o próximo e respeitar a dor que os passantes levam consigo.
Deve guardar segredo sem se sacrificar.
Não é necessário que seja de “primeira mão”, nem imprescindível que seja de “segunda mão”. Não é preciso que seja puro, nem que seja de todo impuro, mais não deve ser vulgar.
Deve ter um ideal e medo de perdê-lo, e no caso de assim não ser, deve sentir grande vazio que isso deixa.
Procura-se um amigo que se comova ao ser chamado de Amigo.
Procura-se um amigo para não enlouquecer.
Para contar o que viu de belo e triste durante dia.
Precisa-se de um amigo para se parar de chorar.
Que bata nos ombros sorrindo e chorando, mas nos chame de amigo para se ter consciência de que ainda se vive.
Precisa-se de um amigo que diga que vale a pena Viver, não porque a vida é bela, mais porque já se tem um Amigo!!

04 outubro 2008

04 de outubro - Dia Mundial dos Animais


* Por que o dia Mundial dos Animais é dia 4 de outubro ?

Porque este é o dia de São Francisco de Assis, o Protetor dos Animais.

* Por que foi criado o Dia Mundial dos Animais ?

Para nos lembrar de pensar nos animais que compartilham o planeta Terra conosco.

* Os animais estão precisando de ajuda ?

Sim, cada um de nós pode fazer alguma coisa para ajudar a protegê-los.

* nas cidades : cuidar e proteger os animais de estimação, com alimentação, abrigo, cuidados veterinários, não deixando eles se reproduzirem se não temos condições de cuidar dos filhotes, e explicando para todos que não se pode abandonar animais sozinhos nas ruas, que eles não se viram sozinhos e correm muitos perigos.
* nas florestas : não retirando os animais de seu habitat natural, ajudando a preservar os ecossistemas, a limpeza das águas dos rios; combatendo a poluição e o desmatamento, as queimadas.
* respeitando os animais não-domesticados que convivem conosco nas cidades, como pardais, lagartixas, corujas, sapos, morcegos, e tantos outros, eles são importantes para o equilíbrio natural.
* pesquisando mais sobre os animais e suas necessidades o usando a criatividade e a imaginação.







ORAÇÃO DA PAZ, DE FRANCISCO DE ASSIS
Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor;
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;
Onde houver discórdia, que eu leve a união;
Onde houver dúvida, que eu leve a fé;
Onde houver erro, que eu leve a verdade;
Onde houver desespero, que eu leve a esperança;
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;
Onde houver trevas, que eu leve a luz.
Ó Mestre, Fazei que eu procure mais
Consolar, que ser consolado;
compreender, que ser compreendido;
amar, que ser amado.
Pois, é dando que se recebe,
é perdoando que se é perdoado,
e é morrendo que se vive para a vida eterna.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...