09 abril 2009

O que é meu é meu...

... e pronto!!

Não empresto, não vendo... se quiser compro um novo para vc, ou ensino aonde tem igual. Sempre fui assim, não com coisas materiais, mas com coisas sentimentais e pessoais, nunca gostei de emprestar roupas, cds, jóias ou maquiagem. Quando criança não gostava de emprestar minhas bonecas preferidas e nem trocar papel de carta, sempre me arrependia quando trocava, ficava com remorso, uma vez cheguei ir atrás da menina para destrocar, porque tinha trocado o 1º papel de carta que ganhei e me senti mal fazendo aquilo... tenho ele até hoje. Mas também quando resolvo dar alguma coisa, não me arrependo, doei todas minhas bonecas alguns anos atrás para umas menininhas que moravam no meu condomínio, doei de coração e porque quis, não me peçam nada... gosto de fazer por livre e espontânea vontade. Bem... é isso, não peço nada a ninguém, nunca empresto nada... por isso não me incomodem, não devo nada a ninguém, faço quando quero, porque quero e o que é meu é meu.... e pronto!!!!

06 abril 2009

Piloto Automático


Se existe algo que não aguento, são pessoas que passam a vida ligada no piloto automático, que vão apenas sobrevivendo e levando a vida de qualquer maneira, sem fazer nada para se orgulhar.

01 abril 2009

Não sai da minha cabeça...


Borboleta pequenina que vem para nos saudar
Venha ver cantar o hino que hoje é noite de natal
Eu sou uma borboleta pequenina e feiticeira ando 
no meio das flores procurando quem me queira
Borboleta pequenina saia fora do rosal
Venha ver quanta alegria que hoje é noite de natal
Borboleta pequenina venha para o meu cordão
Venha ver cantar o hino que hoje é noite de natal
Eu sou uma borboleta pequenina e feiticeira ando 
no meio das flores procurando quem me queira
Borboleta pequenina sai fora do rosal 
venha ver quanta alegria que hoje é noite de natal

Borboleta (Marisa Monte)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...