27 dezembro 2009

Redescobrindo o prazer de cozinhar


Quem me conhece e já comeu minha comida sabe que sou uma excelente mestre-cuca(modéstia parte), mas também sabem o quanto eu andava afastada da cozinha, enjoada da minha comida e dos restaurantes que costumava frequentar. Esse desinteresse fez com que minha alimentação se tornasse na maioria das vezes, em refeições mal elaboradas, ricas em colesterol e recheadas de morte, nada bom para minha pele, meu corpo e para os animais.
Bem, o fato é que descobrir o mundo vegetariano e entrar nele de corpo e alma, me fez redescobrir o prazer em cozinhar, um mundo gastronômico novo, cheio de cores, novos sabores e novas receitas. Estou reaprendendo cozinhar, experimentar novos ingredientes e a comer, tudo muito saboroso e o que é melhor, saudável e sem mortes!

Amanhã irei fazer feijoada vegetariana, depois eu conto como ficou.

20 dezembro 2009

Meu 1º almoço vegetariano com PTS



Ontem saímos as compras no mercado municipal, na lista ingredientes para o almoço de domingo, hoje. Querendo começar a culinária vegetariana com o pé direito, ops, a mão direita no caso né, escolhi um prato que todos adoram aqui em casa, da comida chinesa, frango xadrez... espera, calma, não usei as inocentes galinhas não, o frango foi substituído por PTS(proteína texturizada de soja). Peguei a receita na internet, mas claro que fiz algumas modificações dando meu toque pessoal, o resultado final deu certo e todos aprovaram e repetiram, ficou tudo de bom!



Bem, o prato é super simples e fácil de preparar, aos interessados clique aqui para copiar a receita na íntegra.

18 dezembro 2009

Mente aberta... vegetarianismo!!


No dia 1º de dezembro de 2009 comecei a nova fase da minha vida, sem carne. Achei que seria mais difícil, mas para minha surpresa, 3 semanas depois já tirei definitivamente não só carne vermelha, como carne branca da minha alimentação. Começando meio perdida, achei que o que importava seria não comer carne de boi, e durante esse período acabei comendo carne branca(peixe e ave) algumas vezes. Mas nos últimos 3 dias mais consciente do que precisava fazer, fui atrás de leituras e vídeos sobre vegetarianismo, e para minha surpresa descobri que estava fazendo tudo errado, afinal, não adianta comer e evitar alguns e proteger e amar outros!
Hoje de mente aberta entendo tanta coisa, sobre os alimentos, os vegetarianos e principalmente sobre os animais, queria eu ter aprendido tanto sobre a vida na terra, ainda criança, assim como estou dando essa oportunidade para meus filhos². O caçula sempre brinquei que ele já nasceu vegetariano, o prato dele sempre foi o mais colorido e saudável, a gente que colocava carne para ele, levando em conta a cultura que sem carne não estaria ingerindo tudo que necessitava para crescer bem.


Essa minha nova fase, cheia de determinação e super consciente, começou através de uma amiga, bem mulherzinha sem frescura,  a Camila. Depois de conhecer essa pessoa tão especial ao vivo e a cores, minha admiração por ela aumentou ainda mais e tive certeza que eu também conseguiria deixar de comer carne por amor aos bichinhos, assim como ela fez. Mas a verdade é que mesmo depois de conhecê-la pessoalmente, ainda levou 1 mês praticamente para eu me conscientizar, meu marido ficou inspirado primeiro, com tudo que contei a respeito dela e por amar tanto nossos cachorrinhos, ele finalmente levou a diante sua vontade de ser vegetariano, estamos casados a quase 15 anos e durante todos esses anos ele já tentou por diversas vezes, mas acabava voltando atrás. Seguindo sua determinação e o exemplo da Camila, também entrei nessa de corpo e alma, quero fazer minha parte pelo planeta e ser exemplo para meus filhos².


Homens de verdade são gentis com os animais.

Como disse, li algumas matérias e vi alguns vídeos sobre ser vegetariano e proteção aos animais, mas foi o vídeo TERRÁQUEOS (clique e assista) que me deixou desesperada e 100% certa do que estou fazendo. Acho que se tornar vegetariano deve ser uma atitude tomada pelos animais, pela natureza, pela sua saúde e pela humanidade. Parece difícil, mas não é, um dia de cada vez e quando perceberem, o amor pela vida dos animais será maior que a vontade de comê-los. Continuar consumindo carne, sem dó nem piedade pelos animais é um crime, pois somos todos iguais diante de Deus!!

O espírito descansa na pedra, respira na planta, caminha no animal e pensa no homem!!

Mulherzinha Sem Frescura, preocupa-se com os animais!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...