31 março 2011

Pensamento...


Minha parte sensível, aquela que se emociona, eu guardo para chorar com coisas bobas,
sem importância...
 e assim eu me preservo.
(by me)

Mais Clarice...


E grito: sinto, sofro, me alegro, eu me comovo. Só o meu enigma me interessa. 
Mais que tudo, me busco no meu grande vazio. 

(Clarice Lispector)

30 março 2011

Não é a carne...


Não é a carne que deixa o bife acebolado gostoso... é a CEBOLA.
Não é a carne que deixa o bife a milanesa gostoso... é a FARINHA DE ROSCA.
Não é a carne que deixa o bife a parmegiana gostoso... é a " e o MOLHO DE TOMATE e o QUEIJO.
Não é a carne que deixa a lazanha gostosa... é a MASSA e o MOLHO.
Não é a carne que deixa a comida chinesa gostosa... é o SHOYO.

Enfim... não é a CARNE, são os ingredientes que dão sabor a qualquer receita. Sem carne tudo fica mais limpo e mais gostoso. Então tente, experimente... faça uma alimentação diferente.

28 março 2011

Passos do destino

Talvez eu escreva pra livrar-me
Do passado mal escrito,
Livrar-me de passos do destino,
Triste.
Já não olho mais pra traz,
Quero apagar o que nada de bom traz
E destinar-me num destino feliz.
Apagar da mente o destino passado
E escrever um novo,
Com novos passos
Nessa imensa lousa onde um ponto
Apenas marca a parte de uma história sem fim
Viver a vida.
Escrever,
Com passos,
Aprender a ler e ver que a vida é bela
Se mudarmos um pouco de ângulo
A imagem que temos da vida só muda,
Quando mudamos a nós mesmos.
 
Por Rafael Silveira

26 março 2011

18 março 2011

Tudo que fazemos é causar dano...

"Todos nós vivemos a vida como touros soltos em uma loja de porcelana. Uma lasca aqui, uma rachadura ali. Causando danos a nós mesmos, e aos outros. O problema é tentar descobrir como controlar o dano que causamos ou aquele que foi causado a nós. Às vezes, ele nos pega de surpresa. Às vezes, pensamos poder consertá-lo. E as vezes, o dano é algo que sequer conseguimos ver. Estamos todos danificados, ao que parece. Alguns de nós, mais que outros. Carregamos o dano desde a infância e então, já adultos, causamos tanto quanto recebemos. Definitivamente, tudo que fazemos é causar dano. Aí então, começamos o negócio de consertar tudo o que pudermos."
Grey's Anatomy

Mexido de tofu com brócolis

  • 1/2 maço de brócolis lavado e cortado miudinho
  • 1 cebola pequena picadinha
  • salsa e cebolinha 
  • 1/2 caldo de legumes
  • 300g de tofu 
  • 1 colher de café de açafrão/cúrcuma
  • 3 ovos batidos (opcional)
  • 1/2 xícara de leite/leite de soja (sua preferência)
  • sal a gosto
  • óleo/azeite para frita


Numa frigideira frite a cebola no azeite, quando estiver tostadinha coloque o brócolis, acrescenta água aos poucos e o caldo de legumes, vai refogando até ficar ao dente. Em uma tigela, amassa o tofu com um garfo, tempera com a salsa, cebolinha, açafrão e uma pitada de sal (cuidado que o brócolis já está com o caldo de legumes). Adiciona os ovos batidos e o leite, mistura bem e reserva. Quando o brócolis na frigideira estiver seco e no ponto, joga mais um fio de azeite por cima e junta a mistura de tofu da tigela, espalha bem e tampa, deixa fritar e quando estiver no ponto de virar (como omelete), mexe e termina a fritada.

Sirva com arroz e salada.

13 março 2011

Jovens Senhorinhas

Não entendo esse mundo "glamuroso", aonde mulheres novas, vestem-se como velhas, independente da classe social, não importa se são roupas e acessórios de algum estilista famoso ou de alguma grande loja de departamento, para mim não passa de um estilo sem graça.
No post "O Turista e a Boneca Jolie" eu comentei que a Angelina Jolie estava parecendo uma velha, existe quem discorda de mim, mas meu blog já diz tudo, chama-se Mulherzinha Sem Frescura, não gosto e não suporto esse tal "glamour", principalmente quando as mulheres exageram e perdem toda a personalidade para  sentirem-se "poderosas" e aparecerem para os outros, essa necessidade de se mostrar, não faz parte da minha existência.
Por coincidência, a Flavi do Blog Doce Pimenta, postou sobre os preparativos pra maternidade, falando que não gosta de roupas sérias, incluindo pijamas e afins, e que fez uma mala colorida e alegre. Eu não faria diferente, detesto me vestir como uma mulherzinha velha e me sentir uma jovem senhorinha, posso ter 30, 40, 50... anos, mais não vou deixar minha mente e meu estilo envelhecer.

12 março 2011

Mulherzinhas Solitárias

"Viver com alguém que não quer viver ao seu lado, te deixa muito mais solitário."
(Grey's Anatomy)

Eu nunca irei entender porque tantas mulherzinhas sujeitam-se a viver assim... solitárias.

11 março 2011

Dia D


Desinformada
Desorientada
Desocupada
Desanimada
Devastada
Deprimida
Detonada

Momento TPM.

09 março 2011

Sandra Oh é uma deusa

Hoje pela manhã, enquanto tomava meu café tranquilamente assistindo o episódio 7.02 de Gilmore Girls, percebi pela primeira vez o poster de Sandra Oh na Ásia que Lorelai criou para Rory na sua própria casa. Quando Rory comenta sobre a imagem, Lorelai diz que Sandra Oh é uma deusa. Com certeza ela é uma deusa e mereceu a citação e devoção da Lorelai.

Obs.: Deixando claro que foi a primeira vez que percebi que no poster estava a imagem da Sandra Oh, porque já assisti esse episódio várias vezes, perdendo até conta. Acho que nunca liguei o nome e imagem a Cristina Yang de Grey's Anatomy, por pura falta de atenção mesmo.

Assista o trecho que aparece Sandra Oh - http://www.youtube.com/watch?v=Re6X8NvjuIE

08 março 2011

Dia das Mulherzinhas

"Mulher é mesmo interessante, mesmo brava é linda, mesmo alegre chora, mesmo apaixonada ignora, mesmo frágil é poderosa!"

Um dia especial para todas mulherzinhas sem frescura.

04 março 2011

Não se apegue

Apegar-se é o problema, porque quando você se apega não pode ficar vazio. 
Não se apegue – essa é a mensagem dessa técnica.
Apenas não se apegue a coisa alguma positiva ou negativa porque com o 
não-apego você encontrará a si mesmo. 
Você está aí, mas devido ao apego,
você fica escondido. 
Com o não-apego você ficará exposto, você ficará 
descoberto. 
Você explodirá.

Independentemente daquilo a que esteja se apegando, lembre-se de que não poderá levar isso consigo. Desapegue-se, e sinta a liberdade e a expansão que o compartilhar é capaz de proporcionar.


(Osho)

02 março 2011

E a morfina para as vacas e porcos?

"A engenharia genética em animais de corte não é o melhor que podemos fazer - é o mínimo."


Humanos que recebem morfina ou sofrem mutilação de uma parte específica do cérebro - o cortéx - dizem que ainda sentem dor, mas que não se importam mais com ela. 

Atualmente, milhões de animais são obrigados a sofrer para satisfazer nossa procura por carne. E, dado que as práticas das fazendas industriais também são responsáveis por problemas ambientais - como a emissão de quase metade do metano do mundo - além dos riscos para a saúde associados ao confinamento de grande número de animais em um espaço pequeno, acredito que a melhor solução é eliminar a necessidade das fazendas industriais reduzindo o consumo de carne.

Mas não é tão simples assim. É difícil acabar com velhos hábitos. A psicologia humana e a cultura moderna tornam extremamente difícil que as pessoas deixem de comer carne. Na verdade, o consumo de carne produzida em fazendas industriais aumentou dramaticamente em todo o mundo nos últimos 20 anos. Como não há nenhuma indicação que as pessoas vão desistir de sua preferência por carne barata no curto prazo, temos que encontrar outra solução. Uma alternativa tecnicamente possível é manipular geneticamente animais criados em fazendas industriais para que sofram menos. Como isso reduziria o sofrimento de milhões de animais durante anos, creio que temos uma obrigação moral de fazê-lo.

Há algo, porém, que precisa ficar claro. Não penso que nossa capacidade de separar a dor do sofrimento diminua a necessidade de nos livrarmos das fazendas industriais com base em considerações de saúde e meio ambiente. E é justo dizer que nem todo sofrimento desses lugares é resultado da dor - depressão e angústia também são fatores prováveis.

Mas cabe um pouco de realismo no caso -  as pessoas demoram para abrir mão de suas preferências pelo bem maior da sociedade. Como as fazendas industriais continuarão a existir por muitos anos, é realmente humanitário que continuemos a infligir tanto sofrimento a milhões de animais sensíveis quando poderíamos evitar fazê-lo sem praticamente nenhum custo? Minha resposta é não. A engenharia genética dos animais de corte não é o melhor que podemos fazer - é o mínimo que devemos fazer. Considerando que o status quo permite que milhões de animais sofram todo ano, é melhor do que não fazer nada.

Adam Shriver -  filósofo na Washington University, em St Louis, com interesse especial em ética e psicologia moral.

Caminhos para viver mais


Ponto pacífico: todo mundo gostaria de viver mais e, claro, com qualidade. No mundo maluco de hoje, saber o que fazer para cumprir esse objetivo é missão cada vez mais complexa. O que realmente faz bem e o que de fato faz mal? Novos estudos sugerem que nem sempre o caminho que escolheríamos é a melhor rota para a longevidade, segundo Jo Carlowe.

  1. Fique Nervoso - pesquisa de Harvard mostra que quem exterioriza sua raiva pode ter menos risco de morrer prematuramente. O estudo não defende a violência!
  2. Tempere Sua Vida - a cúrcuma supostamente fortalece o sistema imunológico, alivia doenças inflamatórias como artrite, melhora a digestão e dissolve cálculo biliar, segundo pesquisadores de Cincinnati.
  3. Fique Frio - diversos estudos mostram que pequenas doses de um agente estressante, como calor ou frio, podem beneficiar a saúde, e os centenários costumam dizer que o segredo de sua longevidade são banhos frios e mergulhos em água gelada.
  4. Beba Água Rica em Minerais - o cálcio ajuda a reduzir a pressão sanguínea, e o magnésio é importante para um coração saudável.
  5. Glorifique - as boas redes sociais dos fíéis praticantes, em vez da espiritualidade propriamente dita, favorecem os religiosos.
  6. Orgasmo - atingir pelo menos 2 orgasmos por semana pode aumentar a expectativa de vida em oito anos.
  7. Use Fio Dental - quando as gengivas inflamam, o corpo prepara uma resposta imunológica, isso aumenta a inflamação - uma das causas dos problemas do coração, e quem adota o fio dental tem 57% menos riscos de derrames e problemas no corpo todo.
  8. Solte a Voz - estudos têm associados o canto a batimentos cardíacos mais lentos, pressão arterial reduzida e diminuição do estresse.
  9. Demore a Ter Filhos - é mais provável que mulheres com mais de 100 anos tenham dado a luz depois dos 40 anos, do que as que viveram até os 73, além da saúde reprodutiva, o impacto de estresse é menor, já que nessa idade as mulheres já estão financeiramente mais seguras.
  10. Não Relaxe Demais - se estressar na dose certa pode ser benéfico. Acredita-se que o cortisol, hormônio do estresse, contribua para o desenvolvimento dos órgãos.
Fonte - Revista Para saber e conhecer
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...